Coliseu dos Recreios
COCK ROBIN
09 mar 2017
21:30
Detalhes Comprar
COCK ROBIN
COCK ROBIN 09 de Março 2017 - 21:30
1 | 2 | 3

25 ANOS ESTUDANTINA UNIVERSITÁRIA DE LISBOA

Música & Festivais | Concerto 12 Mai 2017 às 21:00 A Estudantina Universitária de Lisboa (EUL) nasce em 1992 do sonho e necessidade de criar um grupo académico que fosse condignamente capaz de representar a Academia de Lisboa na sua vertente musical e artística.
O álbum de estreia Serenata das Fitas é lançado em 1993 e atinge a distinção Disco de Prata e o videoclip do êxito Mulher Gorda passa várias semanas no programa Top +.
Em 1995, é lançado o álbum Vivá Paródia, cujo espectáculo de lançamento teve lugar no Coliseu dos Recreios e contou com a participação especial da incontornável fadista Amália Rodrigues e com a interpretação vocal do membro honorário Rui Veloso.
Em Viagem é o título do último trabalho discográfico da EUL cujo espectáculo de apresentação contou com a colaboração de artistas consagrados do meio musical e cultural português, nomeadamente Fernando Tordo, Kátia Guerreiro, a Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, o Grupo de Gaitas Olisiponense e o Maestro Nuno Côrte-Real.

É ao comemorar 25 Anos de existência que a EUL se propõe a partilhar a sua obra, bem como celebrar as histórias, as vivências e as amizades que neste último quarto de século tão bem têm vindo a caracterizar este grupo.
Ver mais »

ELZA SOARES

Música & Festivais | Concerto 03 Jun 2017 às 21:30 Elza Soares vai regressar a Lisboa para se apresentar ao vivo no Coliseu dos Recreios a 3 de Junho próximo. Esse concerto sucede à triunfal apresentação no mesmo espaço no passado mês de Novembro, quando A Mulher do Fim do Mundo se revelou afinal de contas como a responsável por um dos mais altos momentos do Vodafone Mexfest.

À beira de completar 80 anos e com quase sete décadas de palcos e aplausos nos ombros, Elza é muito justamente apontada como uma lenda viva, uma força da natureza que sobreviveu a tragédias pessoais, ao desenrolar das décadas, às mil e uma transformações do mundo da música, como uma verdadeira relíquia que o presente aprendeu a amar.

No prestigiado Guardian escreveu-se que para Elza o tempo parece não pesar. A viúva da lenda dos relvados Garrincha, mãe aos 13 anos que teve que suportar a indiscritível dor de perder vários filhos, nascida no meio do samba numa favela do Rio, foi descoberta aos microfones da rádio pelo grande Ary Barroso e foi coroada raínha dos morros ainda os anos 50 não se tinham extinguido. Ao longo das décadas, esta mulher de armas viu-se aplaudida e criticada em igual medida, amada quando cantava e vilipendiada por, já viúva, ter voltado a casar com um homem divorciado. Cedo tinha dito que vinha do Planeta Fome, mas conheceu a glória nos grandes palcos da Europa e América. A BBC descreveu-a mesmo como a voz brasileira do século, em 1999.

Mas, na verdade, o século XX revelou-se pequeno para tão gigante talento. Em 2015, em São Paulo, sob a orientação do conceituado produtor Guilherme Kastrup, que se reuniu de talentos como Kiko Dinucci (Metá Metá) e jovens músicos do colectivo afro-beat Bixiga 70, Elza gravou o extraordinário A Mulher do Fim do Mundo, álbum distinguido como um dos melhores da safra desse ano por publicações de todo o mundo, do Guardian, ao Expresso, da Pitchfork à Blitz e daí ao New York Times. Nesse álbum, a voz eterna de Elza encontra a modernidade dos arranjos, as guitarras de arrojo rock, a electrónica cortante, e nas suas palavras sobre o abuso identifica-se um desejo de superação que nela nunca desapareceu.

São essas as canções com que Elza nos vai voltar a brindar. Canções de alegria e de dor. Canções como "Maria da Vila Matilde" em que a raínha garante "até ao fim eu vou cantar". Essa nobreza - de história e de voz, de vivência e alegria e sofrimento - vai voltar a sentir-se em palco num concerto certamente irrepetível e absolutamente imperdível. O New York Times garantia ao render-se aos seus pés que Elza continua indomável. São assim as forças da natureza. Nada as segura e ninguém lhes consegue escapar.
Ver mais »

SLAYER

Música & Festivais | Concerto 05 Jun 2017 às 21:00 Ilustres representantes dos Big Four, ao lado dos Metallica, Megadeth e Anthrax, os líderes incontestados do thrash mais impiedoso regressam por fim a Lisboa para apresentar Repentless, o aclamado 11º registo de originais.

É certo e sabido que, mesmo no seio de um grupo com interesses em comum, as opiniões tendem a dividir-se quando chega a hora de discutir quais as bandas mais importantes ou definidoras de uma determinada época. Poucos são, no entanto, aqueles que se atrevem a questionar a relevância de um grupo como os SLAYER ou o impacto de discos como Reign In Blood, South Of Heaven ou Seasons In The Abyss, apenas três dos mais aplaudidos num catálogo sem mácula. É exatamente por isso que Araya, King, Hanneman e Lombardo são, há mais de três décadas, os porta-estandartes de tudo o que é hoje o som extremo. Do death ao black metal, são eles a referência maior, uma força unificadora num universo cada vez mais dividido por uma quantidade incontável de géneros e subgéneros. É precisamente esse sentimento de união, transversal a tantos estilos e gerações, que se vai materializar no próximo dia 5 de Junho quando os SLAYER, uma das bandas mais consensuais de sempre no espectro da música pesada, subirem ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa.

Quando os SLAYER editaram o terceiro álbum de estúdio, o influente Reign In Blood, a 7 de Outubro de 1986, já tinham gravado outros dois discos muito promissores, mas foi nesse preciso momento que se transformaram na lenda que são hoje. Pelo caminho, influenciaram tudo, ou quase tudo, o que foi feito em termos de música pesada desde então. Uma boa prova disso é que, tanto tempo depois, o álbum de 1986 continua a carregar o mesmo apelo animal que deixou tanta gente de queixo caído na altura em que foi lançado. É claro que, ao longo dos anos, muitos foram os músicos que tentaram recriar o génio e a perfeição contidos naquela contundente coleção de dez temas, mas nunca ninguém conseguiu chegar nem lá perto. E isso não é exatamente estranho; os próprios músicos perceberam rapidamente que nem valia a pena tentarem e, no disco seguinte, o South Of Heaven, trataram de colocar um pé no travão. Hoje, oito álbuns depois e já sem os elementos fundadores Jeff Hanneman e Dave Lombardo na formação, são definitivamente uma banda bem diferente, mas há uma coisa que ninguém lhes pode negar serão, para a eternidade, um dos nomes mais revolucionários, influentes, emblemáticos e resilientes saídos da música extrema.

Dúvidas restassem em relação à sua vitalidade, algo estranho se tivermos em conta o intocável fundo de catál É precisamente esse sentimento de união, transversal a tantos estilos e gerações, que se vai materializar no próximo dia 5 de Junho quando os SLAYER, uma das bandas mais consensuais de sempre no espectro da música pesada, subirem ao palco do Coliseu dos Recreios, em Lisboa.
Ver mais »

ANA CAROLINA - GRANDES SUCESSOS

Música & Festivais | Concerto 16 Jun 2017 às 22:00 Considerada uma das maiores intérpretes da música brasileira e conhecida pela sua técnica e potência de voz, Ana Carolina apresenta o seu novo espetáculo Grandes Sucessos, com os principais êxitos dos seus mais de 15 anos de carreira, dia 16 de junho no Coliseu de Lisboa.
Cantora, compositora, arranjadora, produtora, instrumentista e musicista, Ana Carolina é uma das artistas mais completas e populares da música brasileira.
Os seus grooves, os seus violões, os seus versos inflamados traduzem a diversa alma musical de Ana Carolina.
O espetáculo Grandes Sucessos resume a carreira de uma das mais importantes artistas brasileiras, numa grande celebração com seu público que tem oportunidade de reviver todas as fases da sua trajetória.
Temas como É isso aí ; Quem de Nós dois; Garganta; Coração Selvagem; Pra Rua me Levar são alguns dos grandes êxitos da artista que farão parte deste espetáculo.
Ver mais »

DIOGO PIÇARRA - Do=S

Música & Festivais | Concerto 03 Nov 2017 às 22:00 Diogo Piçarra celebra do=s nos Coliseus do Porto e Lisboa
2017 será um ano marcante na carreira de Diogo Piçarra. No dia 31 de março lança do=s, o segundo álbum de estúdio que marcará o início de um novo ciclo, cuja grande celebração já tem data marcada nas mais emblemáticas salas do País, os Coliseus de Lisboa e Porto.
Diogo Piçarra subirá pela primeira vez ao palco dos Coliseus com concertos em nome próprio: primeiro no Coliseu do Porto, a 27 de outubro, depois no Coliseu de Lisboa, a 3 de novembro. Estas serão as datas da festa do ano para os milhares de fãs que têm seguido Diogo Piçarra por todo o País e para o artista que prepara grandes surpresas para estas noites tão especiais.
Em palco, Diogo Piçarra na voz, guitarra e piano, estará acompanhado pelo seu habitual e irrepreensível trio de músicos: Francisco Aragão (guitarras, teclados e programações), Filipe Cabeçadas (bateria e programações) e Miguel Santos (baixo e teclado).
Para os fãs, Diogo Piçarra preparou bilhetes especiais e limitados.
Tratam-se de bilhetes que darão acesso a uma zona privilegiada, o Golden Square, junto ao palco, permitindo aos fãs seguir o espectáculo ao mais ínfimo pormenor. Esta versão vai estar à venda em exclusivo na loja oficial do Diogo Piçarra https://diogopicarra.mystore.pt
Golden Square : Bilhete para o concerto com acesso ao Golden Square, entrada antecipada, meet and greet com Diogo Piçarra no final do concerto e envelope com 1 poster A3 do concerto e lanyard personalizado com passe VIP.

Diogo Piçarra cumpre assim mais um sonho, em duas noites que se esperam emocionantes e de partilha com o seu público - a sua enorme família, onde poderão ser ouvidas as canções marcantes da sua curta mas já brilhante carreira.
Os detalhes sobre os bilhetes Golden Square serão enviados num mail com a compra/confirmação do bilhete.
Ver mais »

MIGUEL ARAÚJO

Música & Festivais | Concerto 11 Nov 2017 às 22:00 Miguel Araújo é um dos artistas mais completos da nova geração. É hoje considerado um dos grandes nomes da música portuguesa, destacando-se como compositor, letrista, cantor e músico, sendo bem sucedido em cada uma destas vertentes que compõem a sua multi-facetada e eclética carreira. São já muitas as canções da sua autoria, cantadas por si e por outros que fazem parte do espólio das grandes canções populares portuguesas deste século. Como escreveu o Expresso em 2012, é notório que Miguel Araújo se tornou um dos melhores fabricantes de canções que o país viu surgir este século. Ver mais »
1 | 2 | 3

Que espectáculos gostaria de ver no coliseu:

Responder
Agenda de Espectáculos
«Fevereiro de 2017»
sábdomsegterquaquisex
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728123
45678910

ApoioBOL

 

 Cock Robin 185

 

185x 240px

 

Dengaz 185

 

Tuist 185

 

Paula Fernandes 185

 

Gisela _CLisboa _185x 240

 

Produzido por ETNAGA para Coliseu dos Recreios - Todos os Direitos Reservados

Principais Apoios:

BOL - Sistema de Gestão de Bilheteiras
 

Apeloaudicoescoliseunumero